Não abandone a piscina no inverno: a natação ajuda a manter a saúde no frio

15 ago by Equipe Tubarão

Não abandone a piscina no inverno: a natação ajuda a manter a saúde no frio

Muitos pais tiram os filhos pequenos da natação durante o inverno por medo de agravar resfriados ou crises de asma e bronquite, o que é um erro

Durante o inverno o ar fica mais seco e o próprio frio faz uma vasoconstrição que dificulta a respiração. Os problemas de asma e bronquite se agravam e as crises são mais freqüentes. Durante o período do inverno é muito importante a prática de exercícios físicos para ativar a circulação e melhorar a troca gasosa.

A natação é o esporte mais indicado para crianças e adultos com problemas respiratórios. No entanto, exatamente neste período, os pais retiram as crianças desta atividade com medo que se resfriem ou entrem em crises asmáticas. É justamente o contrário: a natação melhora, evita e aumenta o intervalo das crises respiratórias, ou seja, aumenta o período de remissão das doenças respiratórias. A pressão hidrostática ajuda na expiração, que é a maior dificuldade do asmático, pois ele se asfixia pela quantidade de ar inspirado, que não consegue soltar.

A umidade da água facilita a troca gasosa, as propriedades físicas da água, como o empuxo, ajudam na amplitude de movimento da musculatura das costas, do abdômen, de todo tronco, facilitando a inspiração. A pressão hidrostática ajuda na expiração, que é a maior dificuldade do asmático, pois ele se asfixia pela quantidade de ar inspirado, que não consegue soltar. A pressão hidrostática pressiona a musculatura expiratória, esvaziando os pulmões e deixando só o ar residual, o que aumenta a mobilidade do tórax e melhora o sistema cardiorrespiratório.  Os exercícios coordenados com a respiração, os movimentos de braços alongando todo o tronco e os movimentos das pernas melhoram o retorno venoso, o que é importante para evitar resfriados, bronquite e crises asmáticas.

Cuidados
O único cuidado importante nessa época do ano é evitar o choque térmico, principalmente nas crianças, bebês e idosos. Procurar piscinas cobertas e evitar entrar em contato com ar condicionado imediatamente. É imprescindível agasalhar-se para sair da piscina, retirar a roupa molhada, colocar roupa aquecida antes de voltar para casa.

Tomado este cuidado, não abandone a água no inverno: torne-se aliado dela.

* As informações e opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do Globoesporte.com / EuAtleta.com.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/eu-atleta/saude/noticia/2014/08/nao-abandone-piscina-no-inverno-natacao-ajuda-manter-saude-no-frio.html?fbclid=IwAR3J5Wrf0z3hJOywNeYG4GFFt8-TZ2tknLif9_EZ5ZzOt9ZHPAaUO2dVUz8

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *